Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Destino trocado...

Eu queria ser vento...
E me fizeram pedra!
Pedra grande... pesada
Sem ânimo, sem vida, sem nada...
Virando concreto, virando monumento e sempre escalada mas sempre parada!
Pedra pequena, seixo rolando
Rolando chutada... pisada cuspida rolando pelos sem fim da vida!
Pedra polida, limpa, bonita...
Enfeitando casas de gente bem rica,
Palácios, prédios , hall de entradas, mais sempre caladas rolando cuspidas sem pranto nem nada...
Me fizeram pedra
Mas eu queria ser vento...
Vento forte, doido correndo
Pelas ruas do mundo...
Arrepiando cabelos, levantando saias...
Tufão violento, revolucionário, arrancando palmeiras, encrespando mares e o povo correndo, rezando e chorando e o vento soprando... gargalhando e depois acalmando e a paz chegando...
Eu queria ser vento e me fizeram pedra...
Pedra polida, seixo rolando...
Rolando... pelos sem fins da vida.
Delza Breder Nolasco
Enviado por Delza Breder Nolasco em 12/06/2005
Código do texto: T24059
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Delza Breder Nolasco
Ilhéus - Bahia - Brasil, 92 anos
14 textos (963 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 08:00)
Delza Breder Nolasco