Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                          O DIA EM QUE...

O DIA QUE O DIA ...
O SOL NÃO NASCEU
O PARDAL NÃO COMEU
O JARDIM NÃO FLORESCEU
O PÁSSARO SE ESCONDEU
E... A DOR NÃO DOEU...
O DIA QUE O DIA MORREU..
A GENTE FEZ DE CONTA 
QUE NADA ACONTECEU
LEVANTOU
ACENDEU A LUZ
BANHOU-SE, COMEU...
FEZ AMOR...
COMO SE NÃO TIVESSE FEITO...

ALGO ERA ESTRANHO:
UM FALAVA
O OUTRO, NÃO OUVIA,
UM CANTAVA,
O OUTRO NÃO SE COMOVIA,
UM, A MÃO ESTENDIA,
O OUTRO NÃO ALCANÇAVA...
UM RIA,
O OUTRO CHORAVA...
UM BUSCAVA ASILO 
RESPOSTA A TUDO AQUILO,
NO CÉU, NAS NUVENS, NO AR,
MAS, NÃO, NADA, NADA
NADA, ERA O QUE HAVIA EM TODO LUGAR...
E MESMO NINGUÉM  SABIA,
COMO, NEM O QUE BUSCAR...
NEM COMO DECIFRAR TAL ENGRENAGEM.

ENFIM, UMA FRÁGIL BRISA
VINDA DE OUTRA MARGEM,
VEIO O MISTÉRIO DESVENDAR...
 __ O CORAÇÃO!!!
O CORAÇÃO AGONIZA.
E O PULMÃO DA ALEGRIA,
É SÓ FULIGEM,
O AMOR ESTÁ EM VERTIGEM...
É PRECISO CAVAR,
CAVAR...
ALÉM DA SUPERFICIE,
A PALAVRA SILENCIAR...
OUVIR O SILÊNCIO
ELE QUER FALAR...
COMPRAR O QUE NÃO SE VÊ...
VESTIR-SE DE SENTIMENTOS..
DESCOBRIR O ENCANTAMENTO
                   DO SER...
A ALEGRIA DE VER A DANÇA DO TEMPO,
A FLOR DANÇA-LA AO VENTO
                       RECESCOBRIR
A BELEZA DE CADA MOMENTO,
E NELE, O SENTIDO
DE PARTILHAR A VIDA,
OUVIR A MUSICA QUE ELA NOS TRAZ
COM ELA DANÇAR.... NO SILÊNCIO.....




Teca
Enviado por Teca em 15/09/2006
Reeditado em 19/09/2006
Código do texto: T241128

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Teca e o site www.recantodasletras). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Teca
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
1120 textos (122832 leituras)
5 e-livros (1459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:43)
Teca

Site do Escritor