Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Do amor... pela Saudade

Em tudo a Saudade ao amor será bastante
mesmo que na pura dor da dor se baste...
em defesa do amor, a Saudade será constante
como se fosse flor presa em raro engaste...

Que, do amor, a Saudade nunca se afaste
e, ao lado do amor, fique ardorosa e vigilante
mesmo que a ausência provoque o desastre
entre o só amar e o amar só, de estar distante...

Que, ante a lágrima, possa a Saudade, cantante,
pender tão perfumosa como a flor na haste
e, tal como a flor, permanecer triunfante...

Enfim, de todo o brilho e todo o contraste,
de alma rica, rútila e de peito arfante,
que a Saudade te permita saber que amaste...
Marinhante
Enviado por Marinhante em 16/09/2006
Código do texto: T241749
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marinhante
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 73 anos
114 textos (1409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:53)
Marinhante