Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em resposta

 Não ...o amor não acabou
 Não é um sentimento frágil
 que termina assim
 sem mais nem menos...
 Como bambu ele se curva
 ante as vicissitudes do destino
 mas se ergue forte após
 as ventanias da desilusão
 O amor... é como a flor do deserto
 que amas tanto...
 Frágil, que renasce
 abençoada pela chuva
 cresce iluminando
 e tornando ainda mais belo
 solos outrora estéreis
 trasmutando paisagens
 dando cor e brilho
 Não te esqueças
 que ela necessita das gotas divinas
 para se abrir para a vida
 Assim sou eu...
 Assim é meu amor...
 Espécie exótico e raro
 Que necessita do sol e da chuva...
 







 
Lahaina
Enviado por Lahaina em 19/09/2006
Reeditado em 23/08/2015
Código do texto: T243861
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lahaina
Curitiba - Paraná - Brasil
1141 textos (39665 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:13)
Lahaina

Site do Escritor