Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu sou aquela

EU SOU AQUELA

Angélica T. Almstadter

15-12-04

 

Eu sou aquela, que guia

Teus presságios,

Te sorri com alegria,

Entre liras e adágios.

Eu sou aquela,

Que conversa com as estrelas,

Suspirando na janela,

E tem um desejo secreto,

De com os dedos, movê-las.

Eu sou aquela, que sonha,

O teu sonho predileto,

Porque nunca se envergonha,

Das palavras e do riso,

De cantar alto, e em bom som,

A falta de juízo,

A vida em outro tom.

 

Eu sou aquela, que calada;

Desfia versos enamorados,

Por toda a madrugada,

Tendo beijos bordados,

Entre os lábios entreabertos,

Como rosa desabrochada,

Pálidamente perfumada,

Para os teus libertos,

De mel recobertos.

Meu presente ofertado,

Com carícia e cuidado.

 

Eu sou aquela, ainda,

Que contigo de novo brinda,

Mais um ano que se finda.

 

Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 26/01/2005
Código do texto: T2452

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 61 anos
1054 textos (55382 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 12:16)
Angélica Teresa Almstadter