Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Duas estrelas


Euna Britto de Oliveira
Site de Poesia: www.euna.com.br


Estrelas enfeitam,
de um lado e de outro,
a inteligência da janela do meu quarto.
As cortinas, divididas ao meio,
são presas em forma de maria-chiquinha...

Ah, meus bisavós,
quando chegará minha “bisavez”?...
Bizarro...
Piçarra era o solo onde minha tia pelejava
pra cultivar rosas, e conseguia!...

Quando a menina me perguntou o nome
da avó de Chapeuzinho Vermelho,
eu não disse que não sabia,
inventei um, batizei-a;
como inventei um nome para o carrasco da Branca de Neve...

Astrid... a moça pronunciava esse nome
como quem morde um astro em miniatura...
Se for para escolher um desses dois nomes,
entre Astrid e Ingrid,
prefiro Ingrid!

Na medicina alemã do século passado,
cultivavam-se cantáridas ...
Crisálidas são as vice-borboletas...

Carruagens de fogo, de Vangelis...
Em igreja medieval, casa-se a moça,
ao som da Ária da 4ª corda, de Bach,
música que as noivas gostam de pedir quando vão se casar...
O nome da moça – Isabelle...
Gosto de casar e de descasar palavras...
Pessoas, quem casa é Deus!
Euna Britto de Oliveira
Enviado por Euna Britto de Oliveira em 21/09/2006
Código do texto: T246147
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Euna Britto de Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
995 textos (34673 leituras)
6 áudios (364 audições)
12 e-livros (692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 17:59)
Euna Britto de Oliveira