Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM JORGE

Um Jorge que conheci
Não é do Ben nem do mal
“Da Capadócia” ou coisa assim
é apenas um Jorge: o de Jundiaí.

Sambando em versos urgentes
Faminto de afeto e desejo...
Um entre tantos Jorges
Misto de amor e medo

Onde encontro o poeta?
E o homem o que sente?
Desvendei logo o segredo
Foquei as sombras da lente.

Um peixe num aquário gigante,
Da vida ser itinerante,
Um Jorge que conheci...
No mundo, eterno visitante.

Nas vidas da minha vida
Resta a magia do encontro...
Sonho, amor... alegria
Restam a rima, o beijo e a prosa
Restam o Jorge e a minha poesia!

ALINE ROMARIZ
(obrigado Aline)



ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 22/09/2006
Reeditado em 03/08/2007
Código do texto: T246420

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1027 textos (90006 leituras)
26 áudios (1819 audições)
2 e-livros (330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:35)
ANDRADE JORGE