Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deixe-me

Deixei-me


Deixei-me seduzir pelo invisível
Deixei-me arrastar por frases ditas
Deixe-me carregar pelo indivisível
Deixei-me levar por palavras escritas.

Foram tantas as fantasias desvairadas
Vividas de maneira loucamente apaixonada
Que deixaram de ser a novidade esperada
E caíram no esquecimento, na madrugada.

Ainda me perco em sonhos intransponíveis
Ainda posso ouvir sua voz melodiosa
Ainda sinto seu toque em minha pele sensível
Ainda me vejo em seus braços, toda dengosa.

Deixei de percorrer o caminho seguro
Embrenhei-me por trilhas desconhecidas
E nas indistintas encruzilhadas da vida
Tropeçando, perdi-me tateando no escuro.

Mas o que posso fazer para reparar o erro?
O que posso fazer para encontrar o caminho?
Porque a volta para  casa é  desespero
Mas é aconchegante pois é o meu ninho.

Falhei, chorei, gritei me arrependi.
Pequei, supliquei perdão e alcancei.
Superei o medo, encontrei a paz em  ti.



Ester Machado Endo
mendo
Enviado por mendo em 15/06/2005
Código do texto: T24837
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
mendo
São Paulo - São Paulo - Brasil
46 textos (2757 leituras)
1 e-livros (28 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:28)

Site do Escritor