Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sem título


AGORA que atravessamos o arco-íris
agora que tudo ainda é tristeza
agora que o ainda é uma exposição de novas coisas
agora que eu me preocupo em me despreocupar
agora como é a juba brilhante do leão
agora como é a unha que não pára de crescer
agora como se levantaram os santos na morte de Cristo
agora como se fosse nunca
agora que estou prestes a reencontrar um amigo
agora que meu íntimo inimigo torna-se mais amigo meu
agora que a vida é tão diferente e tão igual
agora que melancolia é o que há
agora que fleumático é a puta que o pariu
agora que vou ficando melancólico mesmo assim
agora sim como se fosse um passaro
agora sim na descoberta do amor que é a paz
agora sim estrela despedaçada em mim
agora sim boto uma camisa e vou pra rua
agora sim estou na rua amando a rua
agora sim estou na rua amando
agora sim estou na rua
agora sim estou
agora sim
agora
agora que o sim quer me invadir
agora que o arco-íris é o nosso tobogã
agora que atravessamos o arco-íris.



Luciano Fortunato
Enviado por Luciano Fortunato em 26/09/2006
Código do texto: T249776
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Fortunato
Mendes - Rio de Janeiro - Brasil, 46 anos
558 textos (78698 leituras)
19 áudios (362 audições)
13 e-livros (3241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:56)
Luciano Fortunato