Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JANELA

JANELA
Debruçado na janela dos meus olhos
eu vejo nosso ninho de amor.
Olhando pela janela dos meus sonhos,
ah! Como é bom viver e continuar esse amor!
Olhando através da janela do passado,
vivo procurando alguma coisa
que eu poderia ter mudado,
que deveria ter vivido
ou devesse ter esquecido.
Olhando pela janela do futuro,
cheio de esperança,
eu só procuro, consciente das minhas limitações,
encontrar, naquele escuro,
nossas mãos entrelaçadas, caminhando
embaladas pelo amor.
Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 28/09/2006
Reeditado em 14/03/2011
Código do texto: T251438

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mario Rebelo de Rezende). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
689 textos (50920 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 08:03)
Mario Rezende