Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Urbanóide

O tédio,
filho adotivo
da insana
burocracia,
mergulha
nas profundezas
coloridas
da tela virtual,
e tecla, rastreando
vida_e_poesia.
Enquanto
a urbanóide
inconformada,
recusa-se
a ser uma cidadã
do nada.

2005
Mareluz
Enviado por Mareluz em 28/09/2006
Código do texto: T251698
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mareluz
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
679 textos (19404 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:51)