Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fantasias

Acredite em mim: eu sou sujo.
As minhas entranhas por vezes urram o indizível,
Pedindo uma satisfação rasgada e abusiva.

Não há uma besta dentro de mim - eu sou o próprio animal insaciável.
Curioso,criativo,quase vulgar,
Um alvoroço de mandíbula e vísceras dependuradas do raciocínio.
Um par de rins esfomeados e autofágicos,
Mãos encrespadas pela cegueira do tato freado.

Sou mais do que se enxerga em fendas do que nas planícies,
Só que as roupas são demais apertadas e asfixiam em pequenas celas o íntimo flamejante.
Meus sonhos são as cheias dos corpos cavernosos,
Serpenteando espinha e cerebelo,
Fazendo se abrir espasmodicamente este leque de vontades cortantes.

Mas a minha maior fantasia é te proteger.



RF
25/09/06
às 2h31 AM
Rodrigo Frˇes
Enviado por Rodrigo Frˇes em 28/09/2006
Reeditado em 25/02/2011
Cˇdigo do texto: T251856
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Frˇes
Niterˇi - Rio de Janeiro - Brasil, 30 anos
45 textos (2358 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 06/12/16 04:26)
Rodrigo Frˇes