Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

*Esquecer-te*

Queria esquecer-te
como o sol da primavera.
Queria provar do sabor
de tua saudade,
como borboletas voam ao dia.
Mas em meu pranto,
chorar a solidão
que tenho de ti.
E de tua falta,
trazer-me a felicidade.
Mas como posso,
sem esperar-te pela noite?
Como devo,
sem degustar de teu beijo?
Como esquecer-te,
quando vejo-te
Pelas paredes de minha vida?
Meu destino,
cruzado,
compartilhado,
e solitário.
Esquivar de tua sombra,
penetrar em teu desejo,
Como posso?
Sentirei saudade,
mas a espera,
espera-me.
Sentirei desejo,
e o desejo, por sua vez...
Não deseja-me.
Sentirei o soluçar da alma...
E a alma, não pertence-me mais.
Serei dramático,
no drama que escolherei.

E, meu amor,
dorme iludido com tua volta.
Volta que não quer voltar.
____________________________________________
Publicado no Livro:

2011- Madrugadas Tardias (Fábio Aiolfi)
Fábio Aiolfi
Enviado por Fábio Aiolfi em 19/10/2010
Reeditado em 14/12/2012
Código do texto: T2566761
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Aiolfi
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 29 anos
113 textos (66461 leituras)
5 áudios (846 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 07:01)
Fábio Aiolfi