Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CRIVO


Euna Britto de Oliveira
www.euna.com.br


Onde estão os corações que gostavam de mim,
mornas montanhas em que eu podia me escorar?...
Às vezes sei.
A vida estremece minhas entranhas
e me faz medo a névoa de seus monumentos!...

A minha árvore ginga tão bem dia de ventania!...
A minha mão escreve tão bem dia de agonia!...
A força que me empurra
desemperra essa engrenagem,
escrava porque quer,
escrevo porque quero!

A sorte é um trevo,
é um cravo,
e trevo é folha ou não é,
e cravo é flor ou não é.
Até hoje,
tudo que fiz foi por amor,
por falta
ou por excesso de amor...
Euna Britto de Oliveira
Enviado por Euna Britto de Oliveira em 05/10/2006
Código do texto: T256796
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Euna Britto de Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
995 textos (34683 leituras)
6 áudios (364 audições)
12 e-livros (692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:08)
Euna Britto de Oliveira