Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Surgiste...

(Para Maria Diva)

Surgiste como o amanhecer...
Devagarinho, por traz do mar.
E, apesar de, sobre mim, nada saber,
Aceitaste me encontrar.
Vieste como a chuva...
Repentina e torrencial.
Caíste como uma luva,
E te tornaste especial.
Apareceste como a lua...
Majestosa e deslumbrante.
Iluminando minha rua,
Que estava escura naquele instante.
Chegaste como o vento...
Forte, impávido e veloz.
E, por isso, talvez não agüento,
Ficar um só segundo sem ouvir tua voz.
Te aproximaste como um passarinho...
Acanhada, cheia de medos.
E, sem perceber, me cercaste de carinho
E descobriste meus segredos.
Te apreciei como o desabrochar de uma flor...
Esplendorosa, delicada e singular.
E, me mostrando a beleza do teu interior,
Conseguiste, rapidamente, me conquistar.
Te observei como se fosse um especialista...
Prestando a máxima atenção.
Acho, até, estar sendo um pouco egoísta
Em não querer largar mais a tua mão.
Te admirei como se fosses a primeira...
Mas sem nenhuma maldade.
Mas, o destino me deu uma rasteira,
E transformou um sonho em realidade.
Apenas um Poeta
Enviado por Apenas um Poeta em 18/06/2005
Código do texto: T25717

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Apenas um Poeta
Angola, 43 anos
139 textos (17322 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:38)
Apenas um Poeta