Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Há um índio...


Euna Britto de Oliveira
www.euna.com.br



Há um índio que adivinha
E descobriu onde estou.
Fala que fui rainha
Pois gosto do que não sou.
Não que eu existisse outras vezes...
Vieram, por mim, outros brancos;
O sangue só me ficou!

Há um índio que adivinha
E resgatou meu amor
Que estava escondido, perdido
Dentro da terra sem flor.
Não que tivesse aprendido.
Nasceu assim, achador.

Desconfiado, nativo,
Arisco como um sagui,
Tem pureza de bicho do mato
A natureza é sua casa.
Um índio que sabe das luas
Das ervas, dos milharais...
Um homem de pés no chão
Com flechas pra os animais.

É o mesmo que me discorre
As coisas que já passaram
As coisas que vão passar
O passo manso da onça,
O dia em que não estará...

Esse índio que me ensina e consola,
Algumas vezes,
Transforma-se!
Vira outro homem.
E me desola...

Euna Britto de Oliveira
Enviado por Euna Britto de Oliveira em 05/10/2006
Código do texto: T257313
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Euna Britto de Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
995 textos (34686 leituras)
6 áudios (364 audições)
12 e-livros (692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:48)
Euna Britto de Oliveira