Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Leigos preceitos...

Leigos preceitos
Uma não-natureza humana
A invasão domiciliar,
Um retrato perene
Amar de intransitivo
Passa por objeto indireto
Leilões na bolsa de valores
Extravagâncias ao acaso
Leitos de feras guarnecidas
Um toque de recolher estanca no ar
Pedra na vidraça, estala
Ferros retorcidos, mãos calejadas
A vida on-line de pequenas causas
Solidão invadindo o monitor
Cá de minha Ilha, devaneios
Súbitos olhares lascinantes
Da boca que escancara a fome
Ouvidos para dicas & sucessos
Outro rosto que se vira além da esquina
Contas em explosão abaixo das Tordesilhas
A náusea do sangue pelo chão
Quão pó de concreto se vira
Outro verão alagado a chegar
Para o velho junkie
Ainda resta um banco na praça
A destra enfiada no abismo
A pouca roupa no chão que chora
Da janela, o olhar pisca
Apenas uma estrela!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 19/06/2005
Código do texto: T25950
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120253 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:13)
Peixão