Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu grito de amor

Hoje vou gritar ao mundo
O nosso amor, já não suporto
As sombras que nos envolvem.
Não suporto o seu sofrimento,
O pranto que me consome...
Grito que amo, amo, amo!...
Como jamais amei na vida!...
Amor é bálsamo, nunca ferida.
É triste amar às escondidas...
Percorrendo a escura avenida.
Morrendo de angústias,
Sendo amada demais
E viver em segredo mantida...
Hoje vou gritar que o quero,
Que amo muito, amo, amo!...
Que já nos entregamos inteiros,
E somos felizes, meu Deus e como!
Minha dor de amor será entendida,
Meu grito de amor será ouvido
No mais alto céu, e serei absolvida!
Meu grito há de calar os passantes,
Livrar do umbral todos os amantes!...
Hoje vou gritar que o amo, amo, amo!
Mesmo que me atirem num fundo poço,
Que da Terra eu seja tirada, banida!...
Vou gritar amo, eu amo Senhor!...
Perdoe-me, mas não estou arrependida!
Hoje vou gritar que amo, eu amo!...
Que já paguei do amor todas as penas!
E o Senhor me entenderá, eu sei...
Então gritarei, sem medo, bem alto...
Amo esse homem, eu o amo, amo!...
26.03.2005
Mary Trujillo
Enviado por Mary Trujillo em 19/06/2005
Código do texto: T26016

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mary Trujillo
São Paulo - São Paulo - Brasil
387 textos (25776 leituras)
41 áudios (1840 audições)
8 e-livros (1171 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:16)
Mary Trujillo