Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amantes

Ser amante no covil do prazer
buscando nessa ardência que me faz louca,
que me tira os sentidos,
que me faz tão sua,
seus mais loucos desejos atender.
 
Desfaço-me de mim mesma, sou sua presa,
acaricio seu ego com extrema sutileza,
sentindo seu gosto como gata sem defesa
coloco-me como humilde súdita de sua mais completa realeza.
 
E sigo a explorar-lhe os pontos,
eretos músculos se fazem surdos gemidos,
ecoando nos sentidos, agora totalmente desprovidos
na languidez absurda à qual somos remetidos.
 
Corpos em chamas, contorcendo-se no prazer exclamam,
gritantes no desejo,
no clímax da paixão se derramam
 em surda explosão, tornando-se um só nesse êxtase proclamam
o recomeço de novo vôo,
gemidos abafados nos corpos ainda quentes que clamam
aos amantes insaciáveis que mais uma vez se amam.
Aisha
Enviado por Aisha em 20/06/2005
Código do texto: T26098
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35176 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:39)
Aisha