Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIA DE CINZAS

Acordar bem cedo,
abrir a janela,
parece que o dia ainda não chegou.

Sentir frio,
tremer de medo,
parece que o dia vai ser difícil.

O mundo espera na rua,
as pessoas passam apressadas,
parece que o dia é muito curto.

Sinto-me Gregor Samsa,
sou Raskolnikov,
parece que o dia é um livro sem fim.

Existo,
resisto,
respiro
fundo.

Não há tristeza
que dure para sempre!
Francisco C
Enviado por Francisco C em 11/10/2006
Código do texto: T261690

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.franciscocampos.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco C
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
363 textos (25681 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:10)
Francisco C