Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma oração

Nossa Senhora,
sob tantas faces
maternais apareces...
E se és Aparecida,
também és de Fátima,
de Lourdes,
dos Navegantes,
do Rosário,
da Saúde...
e se eu caminhar
pelo mundo afora,
encontrarei
teu doce olhar,
em tantas piedosas
imagens,a que nós
humanos,encobertos
de egos, suplicamos.
Perdoa-me se me dirijo
a ti na segunda pessoa,
mas é porque
estavas presente
nas primeiras orações
de minha infância.
E quantas vezes
deves ter ouvido
as súplicas que saiam
do mais íntimo
de meu coração.

Hoje,nem sei
exatamente
como te pedir,
mas esta necessidade
premente de falar contigo
nasceu em
meu coração...
assim de repente..
como se uma brisa
soprada do Infinito
me acordasse de um sono
(ao menos neste instante).

Pretensão a minha,talvez
mas gostaria que todos
os pedidos, fossem
incluídos em um só.
E por isso, hoje
chamo-te Nossa Senhora da Paz.
E peço-te paz
para os corações angustiados
e temerosos...
Paz em meio às catástrofes.
Paz às mentes que buscam
soluções na violência.
Paz aos que sofrem
qualquer tipo de dificuldades.
Apaguizando intenções,
solucionando conflitos.
Paz aos que aqui estão,
aos que já se foram.
E que as notas
da melodia sublime da vida,
ressoem por toda parte.

Assim seja.

(escrito em 2005)


Mareluz
Enviado por Mareluz em 12/10/2006
Reeditado em 12/10/2006
Código do texto: T262834
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mareluz
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
679 textos (19415 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:35)