Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

dor da saudade

no sulco da terra molhada
enterrei meu coração
que em dor passageira
ficou a chorar de emoção
emoção que fica no peito
de quem chora a dor
de momento
que passa por todo tempo
em saudade dormente
que acorda ao lembrar
que a terra latente
está presente na alma
de quem fica com toda calma
a espera urgente
que a dor entranha na carne
que adormece com o sofrimento
e fica pequeno um coração
que lembra de todo momento
da grande devoção
de aguardar que a vida
encarregue sua missão
esperando com humildade
que a eternidade
da terra molhada
receba um coração
que um dia
baterá, quem sabe?
com toda sua bondade
dentro do peito
da minha saudade.

lago
Laura Goulart
Enviado por Laura Goulart em 20/06/2005
Código do texto: T26317

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Laura Goulart
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
416 textos (23976 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:25)
Laura Goulart