Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devoção

É preciso amar com devoção as coisas belas da vida
Antes, durante e depois das emoções temporais
Permitir que a fúria do amor fraterno seja mais
E no vácuo do destino despejar sentimentos banais.

É preciso da verdade sobrepor a mentira
A razão a emoção diante da realidade
A emoção a razão no coração tranqüilo
No descampado do amor a paixão sagaz.

No momento sôfrego é preciso serenidade
Para não se deixar dominar a alma derrotada,
Dias melhores virão e pensar positivo diante
Da negatividade da ação, que nos desgasta.

Como no amor há algo de louco, imbecis
Não seremos nem um pouco, deixar escapar
Do  coração seu resto debelado,
Que guardado há de ficar, para no silêncio
Da noite brilhar

A alegria há de suplantar à tristeza
E a desesperança. Há de existir uma dança
Em que brincam jovens e crianças, verdade
Que explicite bonança da perseverança.

Se com um olhar dizemos tudo, por que palavras
Jogadas ao vento? Coração torna-se tímido pássaro
Descontente que longe do seu “pé-de-que” chora
E lamenta em busca de amor eterno à convivência.



R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 13/10/2006
Reeditado em 28/10/2006
Código do texto: T263227
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79566 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:51)
R J Cardoso