Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0346 - Sobre a mesa

Sobre a mesa um cântico,
um copo de vinho sem cor,
meio vidro, meio cristal,
como eu, um homem,
mesa, apenas suporte.
 
Sobre a mesa uma vida,
um pequeno deserto,
um certo e errado,
abismos sem donos,
nenhum amor é tempestade.
 
Meu vinho é primavera,
trepadeiras que sobem muros,
como paixão,
fecham-se as portas
e abrem-se os fogos.
 
Viro meu copo sobre a mesa,
espalho vida entre fendas,
como noutro corpo,
lambuzo espaços que penetro,
gozo, gozo, gozo nosso gozo.
 
Sobre a mesa um vinho
e um homem,
mil cores, mil desejos,
meio vivo, meio cristal,
como eu, como ele, paixões!
 
24/06/2005
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 21/06/2005
Código do texto: T26558
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116244 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:36)
Caio Lucas