Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chove lá fora...

É como se a natureza estivesse
Tão emocionada quanto eu!
E como bálsamo para minha saudade...
Vem o vento bater em meu rosto,
Sussurra aos meus ouvidos frases
Que o meu amor costuma dizer...
Vejo-o entrando pela porta sorrindo...
Sinto que a natureza misteriosa
Sorri também...
Ela é sensível, profunda conhecedora
Dos sentimentos humanos...
Como mulher que é, realiza-se com
Nosso amor!...
Amor que ela gostaria de ter
Se tivesse um coração!...
Como amo esse homem
E que lindo
Ele é!
O frio estremece a vidraça e um arrepio
Percorre todo meu corpo,
Estremeço só de pensar nele!
Sinto como se ele fosse um pedacinho
Do céu seguindo meus passos,
Acariciando meu rosto,
Olhando-me com olhar penetrante...
A chuva continua...
A natureza prossegue em seu pranto...
Como se estivesse tão apaixonada
E emocionada quanto eu!...
Mary Trujillo
08.01.2003
Mary Trujillo
Enviado por Mary Trujillo em 21/06/2005
Código do texto: T26581

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mary Trujillo
São Paulo - São Paulo - Brasil
387 textos (25775 leituras)
41 áudios (1840 audições)
8 e-livros (1171 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:44)
Mary Trujillo