Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Raio de Tristeza

Caminho só e meu caminho é calado,
poeirento, pondo a lembrança teimosa,
que não me deixa, atordoa a meu lado,
canta na bruma o lamento do tempo ido!

São estas lembranças errantes peregrinas
de longínquas viagens, de pegadas largas,
na fímbria dourada adiante eu vejo apenas
uns cabelos encaracolados,distantes vagas!

O vento distorce meras marolas pensantes,
que assumem a forma de uns certos lábios,
cujo dulçor brotam os sorrisos estridentes
em minha mansuetude e vertem seus rios!

É a recordação contrapondo a melancolia
da alma chorosa e as ilusões desgarradas,
que grita, foge; a tristeza contudo raia,
muda, fria, indesejáveis dores profundas!

Santos-SP-17/10/2006
Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 17/10/2006
Código do texto: T266854
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23407 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:34)
Inês Marucci