Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inexistente

Escuto em algum canto inexistente em que não há,
Este mundo mal amado
Se voce tiver respostas para estas perguntas, voce não existe

onde?
no canto inexistente que nao há
como?
do jeito que a razao censura
porque?
por nao se ter querer
quem?
fantasmas da minha vaga mente vaga
o que?
só o som
quanto?
nao se pode mensurar
quando?
tempo nao existe
caso tenha respostas melhores para estas perguntas,
guarde para voce,
pois nao irei acreditar,
estas sao minhas mentiras,
mesmo que eu creia serem verdades,
Fabio Damico
Enviado por Fabio Damico em 18/10/2006
Código do texto: T267235
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabio Damico
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 55 anos
120 textos (1502 leituras)
2 e-livros (59 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:42)
Fabio Damico