Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ARCO-ÍRIS DA ESPERANÇA

Solto os meus pensamentos na brisa das emoções
E os olhos das minhas eternas saudades
Transportam-me para além do horizonte das ilusões.
Etéreos caminhos desconhecidos,inventados por vontades,
Destinos sem rumo, roteiros por decifrar.  

Danço a melodia das mil cores, dos divinos amores 
Que luzem no segredo dos cristais dos meus sonhos.
E nos meus delicados passos de dança
Desfilam bouquets de ternuras infinitas,
Fragrâncias do nosso amor encantado,
Sentidos em lembranças de seda antigas,
Reencontradas na espiral do tempo de outras vidas.
Destinos abraçados, refugiados nas magnânimas poesias!
Enigmas codificados que só a luz mágica do olhar
Poderá desvendar com a sabedoria da Divina essência.

Quando tu, Amor, palmilhares a estrada da minha vida,
Sorverei da tua alma o néctar das revelações,
Enfeitarei o infinito com o Arco-íris da Esperança...
E mergulharei na Eternidade das nossas amadas emoções!
Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 22/06/2005
Código do texto: T26792

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (6828 leituras)
1 e-livros (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:40)
Fanny Estrela