Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS PALAVRAS DO OLHAR

O teu olhar segredou-me os teus murmúrios interiores...os teus lamentos...as tuas palavras proibidas...sufocadas...
As tuas canções sem orquestra afinadas...
Segredos teus que habitam o meu coração...
 
Nas estradas desse teu infinito olhar...
vislumbrei a letra da canção que não pudeste cantar...
Meu coração percebeu a melodia que não pudemos escutar...
Minha alma sentiu o toque etéreo
dos abraços...dos beijos que não pudemos dar...
da dança que não pudemos partilhar...
 
Olhares profundos de luar...mistérios errantes
na espiral do tempo...que confluem num único momento...e tudo revelam.
 
Serão precisas as palavras quando os silêncios
nos desvendam os segredos da eternidade?
 
E agora, sentindo as palavras silenciosas
do teu olhar... que o meu coração guardou
nas gavetinhas secretas da memória...
recordo o cruzamento dos nossos destinos,
os momentos sagrados do nosso reencontro.
 
E, assim vivo contigo... em  silêncio...
abraçando nossas lembranças perfumadas
na solidão da minha...e da tua saudade.
Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 22/06/2005
Código do texto: T26796

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (6828 leituras)
1 e-livros (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:13)
Fanny Estrela