Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Talvez a Morte


E tenho em mim
o sentimento triste
de que outra vez caminho só
as trilhas da vida.

Desiludida e triste
por não ter sido o que esperava,
o que almejava,
o que desejava.

Ele não aceita o meu amor.
Ele não quer
o que tenho para dar.

Porque mesmo entregando-lhe
todo meu amor,
minha paixão
e todos os sentimentos
mais profundos que tenho
dentro de mim,
ainda assim se sente só,
não sei mais o que lhe dar.

Dei tudo de mim.
Arranquei minha alma,
esqueci meus princípios,
entreguei numa bandeja
meu espírito.

E ele se sente só.
Não há mais nada a dar.

Talvez ainda possa
dar a minha vida.
Morrer.
Quem sabe minha
morte o fará feliz.
Maria
Enviado por Maria em 19/10/2006
Código do texto: T268129
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4551 textos (185944 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:11)
Maria

Site do Escritor