Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor ausente

Gente que anda perdida
Que não vê, que não fala
Gente perdida de si
Gente que sofre, e que cala

Gente perdida, de amores
Em solidão permanente
De amor, sofre em silêncio
Porque de amor, é carente

A dor que sufoca o pranto
Sente no peito, um ardor
Sofrer por amor ausente
Doi mais...que a própria dor.

Mário Margaride
Mário Margaride
Enviado por Mário Margaride em 21/10/2006
Reeditado em 19/10/2009
Código do texto: T269879

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mário Margaride
Portugal, 64 anos
373 textos (27598 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:18)
Mário Margaride