Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Voltar a ser quem era


Quantas vezes disse à você
que depois da tempestade
vem a calmaria.

Mas quando se trata de mim
não consigo acreditar.

Já nem sei mais quem sou.
Não me conheço mais.
Transformei-me tanto
que já nem me percebo
mais em mim.

E me pergunto
se podes amar
quem sou hoje.

Talvez tua solidão
se dá porque sonhas
com quem eu era
e não com quem sou.

Nesta estrada achei
que desejavas
que me transformasse
em uma nova mulher.

Sempre entendi
pelo que dizias
até poucos dias atrás,
que querias que eu tivesse coragem
para assumir meus sentimentos
e que perdesse o medo
de amar e ser amada.

E agora que perdi esse medo,
parece que perco tua vida
por entre meus dedos.
Maria
Enviado por Maria em 22/10/2006
Código do texto: T270473
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4549 textos (185895 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:05)
Maria

Site do Escritor