Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Teatro

Meu bem imaginário
Meu canário
Meu anjo
Meu bandolim suspenso.
Submerso nos meus porquês de amores escassos
Ruídos de chafariz
Correnteza larga
Nas sagas dos trampolins
Tiro certeiro no peito
Meu querer sem ter fim
Mãos que brincam no palco
Gelo no asfalto
Risadas de mim.
Verônica Aroucha
Enviado por Verônica Aroucha em 23/06/2005
Código do texto: T27143

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica Aroucha
Recife - Pernambuco - Brasil
122 textos (7752 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:28)
Verônica Aroucha