Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Talvez...O Último Barco...Maria Thereza Neves


A saudade batia forte ausente de letras

ausente de poesia

ausente de tudo

tão cheia de nada

tão funda no meu fundo



indefinida saudade

sem saber por quem batia

porque batia e tanto doía



talvez , no último barco

no último banco da mente

onde o mar oferece o leito

a alma singrasse encontrando um porto

aliviando a tormenta ao sabor dos ventos



soltei minhas velas à deriva

encontrei-me viva

encontrei o mar da minha vida

encontrei-me poeta

a escrever em todas as margens

em todas as praias e maresias

agora tão cheias de poesias e melodias.



23/10/06-10h31

Maria Thereza Neves
Enviado por Maria Thereza Neves em 23/10/2006
Reeditado em 23/10/2006
Código do texto: T271479
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Thereza Neves
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
3341 textos (90991 leituras)
6 e-livros (224 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 19:56)
Maria Thereza Neves