Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Querências


 
Os  meus dias apressados
Se perderam no calendário
Escondidos do beijo solitário
Para morrerem estilhaçados
No meio dos retratos antigos
Zerado de recordações
Em apagados  corações
 
Marcas da luta no papel
Amassado e jogado num canto
Como se todo quebranto
Pudesse verter no fel
Das lembranças e das loucuras
Que ficaram registradas
Além do escrito com sorrisos
As manchas do amor
Dos muitos orgasmos
Nas fugas, nos improvisos
No arfar das juras
Nos olhares pasmos
 
No ato da compaixão
Morre cego o coração
Aflito como náufrago
Que se afoga num trago
E perde o trem da vida
Na porta da saída
O febril viajante
Agora é tolo errante
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 23/06/2005
Código do texto: T27190

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55629 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:06)
Angélica Teresa Almstadter