Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTRADA DE FERRO

Caminho de aço forjado
sobre a terra,
sobre as pedras,
sobre os rios,
sob as montanhas,
quando em túneis
se faz...

Paralelas infinitas,
corredor de pesadas máquinas,
pequenos veículos de linha...

aço, chão e pedra
vias vitoriosas de distância,
enveredando-se por cerrados,
matas virgens,
pantanal
e campos arados...

Ao longo homens trabalham
em sua diária manutenção,
é meio de vida,
transporte de massa
e forma de ganha-pão...

    Manoel Vitório

Poema feito na Estação de Luiz Gama em 24/05/88, municipio de Ribas do Rio Pardo-MS.  Os perseguidoresa idiotas que me colocaram no isolamento de cerrado, sorriam e se divertiam com aquilo que julgavam minha infelicidade e as poesias me visitavam todas as noites naquela distante estação...Na estaçãozinha de Luiz Gama.
Manoel Vitorio
Enviado por Manoel Vitorio em 26/10/2006
Código do texto: T274329
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manoel Vitorio
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 59 anos
4770 textos (174926 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:21)
Manoel Vitorio