Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fim da linha

 
Havia um caminho
Um eu sozinho
Alguns repentes
Nos extremos das vertentes
Cochichos de momentos
Preso nos pensamentos
Seguem sem rastros
Os amarrados
 
Fios de sonhos
Estranhos
Teias douradas
Acabadas
Do teto despencadas
Espatifadas
Nós espalhados
Cegos pecados
 
Revira a memória
Morte sem glória
Na muda fala
Sem gala
Cala
Anoitece
Adoece
 
Segue moribundo
Até virar defunto
Sem homenagem
Só camaradagem
E viva os defeitos
Todos os malfeitos
Desabou o teto
Em cima do arquiteto
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 25/06/2005
Código do texto: T27626

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55634 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:32)
Angélica Teresa Almstadter