Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Namorados

É a moda: ela estica a voz, tenta parecer manhosa
e prolonga o cumprimento: ummmm beiiiiijo.
Pouca leitura e muita televisão.
Escrava do tempo. Se não for a gordura,
são as rugas que lhe preenchem.
Gostaria de crer que ainda é sexy e desejada,
mas qual, a cada dia sente-se corroída pela idade.

Namora com qualquer sessentão que use óculos escuros
pendurados no peito flácido que a camisa aberta revela.
O casal que soma cento e vinte.
Vitimas dos modernos tempos. Tirana celulite e impotência.
Mas há um novo creme, a química azul que funciona.
Deve ser custoso manter a utopia,
esquecer das articulações, do diabetes e fingir juvenil alegria.

Viajam, dançam e se divertem muito, viu velho rabugento?
É.
E "no depois ", o que será que conversam?
Das dores da idade?
Qual será o assunto?
Planos para o futuro?
Do passado que foi muito maior que o que virá?
Que lembranças terão?
Dos filhos, que agora lhes devolvem os abandonos?
Da tragédia de ter que imaginar sonhos? 

Meus Deus, assim existem porque os publicitários
os criaram. Golen inconsciente.
O que foi feito da gente?



Fabio Renato Villela
Enviado por Fabio Renato Villela em 29/10/2006
Código do texto: T276789
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.recantodasletras.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Fabio Renato Villela
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
1758 textos (329731 leituras)
1 áudios (27 audições)
4 e-livros (4102 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:51)
Fabio Renato Villela

Site do Escritor