Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ela

Ela jamais falou comigo
Ou foi minha amiga
Jamais me deu um sorriso,
Ou me disse um simples oi
Sempre fugia de mim
Quando me aproximava
Ela baixava a cabeça e fingia
Que não notava minha presença
Eu passava a sua frente
E seguia meu caminho
Então sentia o calor de seus olhos
Em minhas costas, me seguindo.
Então eu parava e me voltava
Lá estava ela,
Fingindo olhar, algo a sua frente.
E por vários meses foi assim
Mas, hoje foi diferente.
Ela parou e falou comigo
Para mim foi surpresa
Sentir sua mão em meu ombro
Ouvir sua voz,
Era tudo o que eu queria
E quando ela me disse
Que não agüentava mais fugir
Ou fingir que eu não existia
Pois eu já era parte de sua vida
Por isso não iria mais, fugir ou fingir.
Eu nada disse, ela não deixou.
Quando parou de falar
Eu levantei o rosto e vi duas lágrimas
Rolarem pele suas faces
Eu que não tinha mais esperanças
Senti-me o homem mais feliz, do mundo.
Porque de repente ela me deu coragem
Que sempre me faltou
Para dizer a ela, todo o amor que sentia.

                                                  Volnei R.Braga
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 25/06/2005
Código do texto: T27697
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147467 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:20)
Volnei Rijo Braga