Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEIXO QUE ME TOQUES,,,

(Inspirado no poema “Deixa eu te tocar”, de Angela Lara ).
Deixo que tuas mãos, bem devagar
percorram, com lentidão, o meu corpo,
despertando-me, apenas no “tocar”,
os tão ardentes desejos do amor!...

Adormecido, pela noite escura,
deixo que me percorras, suavemente,
e sentirei teu corpo, junto ao meu,
sem que nos precisemos defender...

Que te fascines, que me necessites
que de mim saibas, na intimidade!...
Porque também sou teu e deixarei
que tu faças, de mim, o que quizeres!...

Deixarei que cures  minhas mazelas
com tua saliva, tua vontade...
E terei a certeza absoluta
de te reconhecer na Eternidade!...

Deixarei nossa essência misturar-se
a fim de eternizar o nosso amor
No momento mais puro e mais feliz,
sem qualquer sentimento de vaidade!...


Julio Sayão
Enviado por Julio Sayão em 30/10/2006
Reeditado em 18/11/2006
Código do texto: T277470
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Julio Sayão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 93 anos
65 textos (39436 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:03)
Julio Sayão