Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ciladas

“...não se acharia grande diferença entre o que um julgava saber e o que o outro ignorava.” (J. Saramago)
 
A auto-imolação do meu (in)útil!
 
Dê-me a diferença inconsútil
Daquilo que tu mostras saber
Nas vestes do que iremos aprender;
Sorrirão duas faces soberbas
Com máscaras de tenazes paixões:
Uma que já testemunhou os fatos,
Outra, desconhecendo seus atos.
 
“...cada um tem sua vaidade, e a vaidade de cada um é o seu esquecimento de que há outros com alma igual.” (Fernando Pessoa)
 
(Dual)idade com egoístas opiniões!
 
Dilacere as páginas que ensinam
E as trancafie no aprender enraizado
Como pingente no transbordado;
Sorrirão cérebros de mentes podadas,
Em salas de vísceras desiguais:
Um enriquecendo o sedentário,
Outro, empobrecendo o proletário.
 
"...diabo não é outra coisa senão o nosso ego antidivino, ou se preferir, numa linguagem mais atualizada para os dias de hoje, nosso ego anticósmico." (Huberto Rohden)
 
Almas diabólicas iguais no (in)consciente!
 
Adormeçam sob mantos cifrados
Onde se inebriam corpos iluminados
Pela conquista de mudanças compradas;
Sorrirão faces outrora desniveladas
Pelas buscas passageiras afiveladas:
O ego atrelado ao desfecho do imundo,
A cifra marcando o rosto do mundo!
 
..........................................
 
É a vida a(r)mando suas eternas ciladas!
 
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 01/11/2006
Código do texto: T279161
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
322 textos (9130 leituras)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:39)
Kal Angelus