Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Terra III



    A Terra III

Quantos mistérios ocultas, bela morena,
somente a eleitos revelas os teus segredos.
Insondáveis são teus pensamentos!
Todo este amor, toda és, entrega e silêncio.
Somente esperas, advinhas retorno,
envolta em véus de ilusões.
Os poetas, e tolos amantes,
endeusaram outras tão distantes.
Vênus e Lua, pobres virgens estéreis.
E tu, a mais bela, foste prostituída.
Vorazes, os homens, te dilaceram.
Ávidos pelo poder sangram, sugam,
e negociam tuas entranhas.
Clamem por clemência, nobres visionários!
Despertem da dormência, amantes apaixonados!
Acordem da demência, poetas loucos!
O selo do silêncio foi quebrado,
as pedras soluçam em pranto
e gemem de indignação.

Zion Freire
Zion Freire
Enviado por Zion Freire em 01/11/2006
Código do texto: T279335
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zion Freire
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 66 anos
65 textos (2562 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:05)
Zion Freire