Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Trinado
 
Canta, canta sabiá
O canto que a força sabia
O canto da letra sábia
Que a sábia sabia
Oh! Trino sabiá
 
Canta, gorjeia canário
Encanta em frente do orvalho
Canta com força de sabiá
Não sabe se ela te leva até lá
 
E triste é o pássaro
Que não quer trinar
Não quer gorjear
E não quer cantar
Só pensa em voar
Para o lado de lá
 
O canto encanta
Aquele que sabe escutar
Aquele que canta
Não quer mais voar
 
O pombo vai arrolar
A ave vai pipilar
O canto é cortesia
Preenche o dia
E a noite vazia
 
Coruja, pombo, sabiá
A  todas aves que há
Que a profecia sabia
Sem elas não passa o dia
Que perde a sua magia
Emerson Mattos
Enviado por Emerson Mattos em 05/11/2006
Reeditado em 27/01/2012
Código do texto: T282962
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Emerson Mattos
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil
84 textos (4335 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:04)
Emerson Mattos