Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENSUALIDADE

Hoje eu quero a vã sensação da liberdade
No ventar que embala o sonhar das alegrias
dos beijos tatuados em nuvem de veleidade
Umedecendo o ser embebedando as alegorias.

Quero tinteiro rubi bordando a felicidade,
No lume da vela o cintilar das pedrarias,
Poesias e gêmulas reflexas de sensualidade
Versos que fremem o nu das indumentárias.

Quero incensar o ambiente de amor-perfeito
Com as mãos que acariciam as letras nas rimas,
Atritando dedos no sussurrar das vozes no leito...

Doar a vida um poema conjugado no verbo acalanto
De lençóis e ocasos, os brocados que tanto estimas,
Vertendo das entranhas lúbricas, a libido do canto...

A Poetisa dos Ventos”
Deth Haak
29/10/2006


Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 06/11/2006
Código do texto: T283739
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65351 leituras)
50 áudios (9715 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:43)
Deth Haak