Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PESADELO

PESADELO
                         
               Chico Steffanello

Sonho maldito:
Será que dormi por trinta anos
E acordei-me agora, 21 horas,
Num dia de dezembro,
No novo século:
2004.

Será?
Não será 74?
84 já seria um absurdo, mas,
2004, não!
Não!
Diga-me que é mentira,
Que eles morreram...

Não?
Horror... Horror...
Viveram em silêncio,
Invisíveis, camuflados...

Atravessaram ainda agora a minha sala de estar
Correndo.
Eu ouvi o tropel,
Eu vi as suas botas...

Oh, horror!
O Perigo ainda vive.

                                                                                              12/12/2004
Chico Steffanello
Enviado por Chico Steffanello em 29/01/2005
Código do texto: T2842

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Chico Steffanello
Sinop - Mato Grosso - Brasil, 58 anos
246 textos (31018 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:57)
Chico Steffanello