Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você é tudo

Quando a vida lhe sobra nua
Não deve atar assim a sua mão
Não há nenhum fiapo humano?
É hora de beijar o chão

Quando o que resta é sua cama
E a indiferença dos que se vão
Esse ainda não é todo seu nada
É hora de beijar o chão

Quando um sim resolveria
Mas lhe oferecem o pobre não
Ainda não chegou o seu limite
É hora de beijar o chão

Beija o chão e ganhe certeza
Por mínima que seja ou possa ser
Sabedor do hostil e do grotesco
Que você é tudo o que pode ter
Wilson Correia
Enviado por Wilson Correia em 07/11/2006
Reeditado em 07/11/2006
Código do texto: T284213

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wilson Correia
Amargosa - Bahia - Brasil
1192 textos (497787 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:40)
Wilson Correia