Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devaneio

        Um mesmo risco emaranhou-se infinito desenha a paisagem até depois do depois onde o olho não alcança mais apesar do esforço e das muletas.
        O instante estacionado à beira do mistério a viagem agora é em circulos o caminho deslizando no abstrato dentro e feito de outros caminhos.
wilson guanais
Enviado por wilson guanais em 08/11/2006
Código do texto: T285752
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
wilson guanais
São Paulo - São Paulo - Brasil, 44 anos
104 textos (3899 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:20)
wilson guanais