Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Trágica comédia

“A vida é uma tragédia quando vista de perto, mas uma comedia quando vista de longe”.. (Charlie Chaplin)

.............................
 
Talvez esse teto de zinco
Nunca saia de sobre mim;
Nem as moscas do jardim,
Que sustentam o equilíbrio
Da inconvivência soberba,
À elas, nunca serei subjugado:

O convívio da foice com a rosa!
 
Há tempo, rumino o social
Dos desmandos perfeitos
Longe do cifrão indecifrável;
Nas páginas de trágica comédia
Vou vomitando a gula mal servida
Com palavras da falsa colheita:

A fome ante o prato mal servido!

A palavra que leva e a mesma
Que traz – E trai! Formas convexas
De acostamentos frios debaixo
Da fogueira de um mesmo sol;
É o imundo do mundo e sua comédia
Diante do drama da alma soberba:

O pedantismo do falso escolhido!
 
O lado trágico de lá será sempre
O cômico da incômoda razão;
Reles argumentos passageiros
Que a vida resume em a arte
Da auto-ludibriação do homem
Refletida nos templos de consumo:

Os exegeses espelhos de boa conduta!
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 09/11/2006
Reeditado em 09/11/2006
Código do texto: T286395
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
322 textos (9131 leituras)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:26)
Kal Angelus