Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na ribeira

"És um vira-mundo, andas feito um valdevinos, sem eira nem beira nem ramo de figueira".
...........................
 
Sou um Zé Bandeira
Afogado nos sargaços
Sem eira nem beira
Por falta de espaço.
 
Sou um Pedro Gabeira
Combatente verdejante
Sem eira nem poeira
Nas nuvens ofegantes.
 
Sou um João Limeira
Amarrado na enxada
Sem eira com goteira
Do obscuro, o nada.
 
Sou Bandeira
Sou Gabeira
Sou Limeira...
 
Sem eira
Sem poeira
Com goteira...
 
Sou qualquer Pereira
Sem esteira nem cumeeira
 
Afogado
Enrolado
Amarado...
 
Na ribeira!
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 10/11/2006
Reeditado em 10/11/2012
Código do texto: T287521
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
322 textos (9131 leituras)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:11)
Kal Angelus