Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Permita-me essa ultima chance

Senhor do céu, meu grande superior;
Permita-me seguir em terras inimigas;
Eu ainda tenho muito a escrever;
Ainda tenho muito a mostrar;
Aos meus inimigos.

Permita-me fazer parte do ultimo sacrifício;
Eu quero entender o que significa dar a vida por alguém;
Eu ainda tenho muito a aprender;
Coisas que em minha terra não terei respostas.

Permita-me uma ultima chance;
Para se tornar festa para meus inimigos;
Permita que eu chore pela ultima vez;
Permita que pela ultima vez;
Derramem meu sangue.

Eu apenas ainda desejo seguir pelo caminho;
Que a mim é proibido;
Quero mais uma vez ser pego com uma rosa;
A filha mais jovem do mestre dos meus inimigos.

Permita que eu veja mais uma vez a flecha em meu peito;
Permita-me sentir a ira de meus amigos;
Ainda quero blefar com minhas tolas palavras;
Quero mais uma vez ser odiado.

Desejo apenas concretizar o sonho de morrer;
Como meu ser realmente quer;
Então me permita ter alucinações com o sofrimento;
Permita-me essa ultima chance;
Permita-me morrer pela ultima vez.


Fernando Bins Sandi
Fernando Gaia
Enviado por Fernando Gaia em 12/11/2006
Código do texto: T289510
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Gaia
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 26 anos
14 textos (1080 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:15)
Fernando Gaia